Capitulo 1.

Meu nome é Rita, Rita Queijo!
E sim! Meu sobrenome é Queijo! Já que minha tia nunca falou meu sobrenome, eu adotei um, até porque eu amo queijo!!! Mas isso não vem ao caso agora... Vou contar porque estou fazendo essa cara de pânico!
Essa não é minha casa, porém moro aqui com minha tia Eva, uma mulher não tão doce e tampouco gentil. Ela me faz trabalhar e cuidar da casa, eu não estudo e nem vou a escola, mas aprendi a ler es escrever porque ela contratou um professor que vinha em casa me dar aulas particulares. 
Eu faço todos os tipos de serviço que vocês podem imaginar, lavo, passo, varro, costuro, cozinho... Principalmente cozinho! Eu acho que tenho o dom da culinária, não é porque eu faço, mas é que fica mesmo muito bom!
Bem, minha tia nunca elogiou minha comida, muito pelo contrário, ela adora colocar defeitos... Mas eu não sei não, sinto que essa mulher esconde algo... Nem sei se é mesmo minha tia de verdade! Ela nunca me mostrou nenhum sinal de parentesco, nunca falou dos meus pais a não se pra dizer que eles morreram mas também não me disse de que... Ela sempre foi estranha, sei lá... Uma bruxa.
As vezes eu olho pro céu da janelinha do meu quarto, e imagino se meus pais estão vivos, e se eles me procuram ou esperam me encontrar um dia, as vezes penso se um dia irei ser realmente feliz...
Tenho 17 anos, mas amanhã faço 18, e vou poder ser livre dela, mas não vou esperar fazer 18 anos para sumir daqui, não mesmo! Com certeza ela espera que eu faça algo inconsequente e rebelde amanhã, pra mostrar que serei uma adulta, maior de idade... Mas não, eu vou fugir hoje mesmo, vou dar um jeito e escapulir daqui e vai ser essa noite...
-Rita! - chamou-me sentada na sala.
-Sim tia?
-Quantas vezes eu tenho que dizer? Pratos não ficam no secador, eles tem que ser precisamente enxugados e depois delicadamente guardados no armário de louça! Você não sabe fazer nada direito não é? Menininha incompetente! Não deveria estar fazendo 18 anos amanhã, pois você não tem sequer a maturidade e a habilidade de uma criança de 9 anos!
Essa é minha tia Eva... É, eu sei, ela parece uma gorila com peruca de circo, mas vocês não viram nada... Ela esta fazendo o joguinho dela agora, mas eu já esperava isso, ela vai me colocar de castigo, só pra ter uma desculpa pra me deixar no quarto e ficar despreocupada sabendo que estarei lá pro resto da minha vida.... Só pra eu não fugir.
-Você esta de castigo menina insolente! Vá já para o seu quarto e não saia de lá até eu mandar! É bom me obedecer ou já sabe!!! - gritava a jararaca...
-Sim senhora... - respondi fazendo cara de triste.. Pura fachada!
Não disse.... Ela vai dormir feliz pensando que conseguiu me manter presa em meu quarto... Agora é só esperar. Mas ela é que não perde por esperar.. Eu ei de conseguir fugir!!!! O único problema é... Passar pelo portão....
O muro é alto e o portão é acionado por controle, e o pior de tudo, o controle fica no quarto dela. A porta da frente também tem alarme, porém a dos fundos não!!!
Minha tia se acha esperta mas não, é... Colocou alarme na porta da frente, mas não pôs na porta da cozinha porque como eu acordo mais cedo pra fazer o café e limpar a casa, eu posso entrar e sair sem disparar o alarme e acordar ela ... Eu acho que ela nunca imaginou que eu tentaria pular o muro. Mas é o único jeito.
Subi pro meu quartinho, que por sinal é bem apertado e pequeno, fui para minha cama velha e barulhenta e fique esperando o momento certo, o plano pra minha fuga estava completo e pronto para ser executado, ao soar das 22 horas desta noite, eu estarei fora desta casa e serei livre!!!!!

3 comentários:

Rita Oliveira disse...

Olaa! :)

Comecei hoje a ler esta historia e estou a adorar! Gostei mesmo deste capitulo! Achei mesmo engraçado a Rita dizer que o seu sobrenome é Queijo! Espero que ela consiga fugir e descubra quem são os seus verdadeiros pais! :) Quem sabe não está relacionado com o passado dos dois cientistas? :) Vou seguir, com certeza! Beijinhos

Anônimo disse...

◕‿◕ sua puta◕‿◕ dando spoiler ◕‿◕

Maria Antonia disse...

Essa história é a minha preferida de todas as história que eu já li de The Sims! rsrs já perdi as contas de quantas vezes a reli,amo demais mesmo rsrsrs deixei até guardada nos meus favoritos :D bjs :*